Romeu Zema e Nilson Borges 2

 

Na última sexta-feira (16/4), em Bocaiuva, o governador Romeu Zema anunciou a duplicação de 136 quilômetros da BR-135. Ele estava acompanhado do diretor-geral do Idene, Nilson Borges, e dos secretários da Seinfra, Fernando Marcato, e de Saúde, Fábio Baccheretti.

De acordo com o governador, os investimentos serão feitos pela Eco135 e somam R$442 milhões até 2023, ano estimado para a conclusão dos trechos. A rodovia também passará por ampliação da pavimentação existente, com 55 quilômetros de novas faixas adicionais.

Com esses acréscimos, há uma expectativa de que o investimento total alcance R$1 bilhão, gerando 1.300 empregos diretos e indiretos a partir deste ano. Possivelmente 11 municípios serão beneficiados com as intervenções.

Com 363,9 quilômetros de extensão, a rodovia começa antes de Curvelo (região Central) e se estende até Montes Claros (Norte). A duplicação dos 136 quilômetros começa pelo trecho entre o km 668,8 (Curvelo) e km 574,5 (Corinto). Posteriormente as obras serão iniciadas no trecho que começa no km 410 (Bocaiuva) e termina no km 367,6 (Montes Claros).

“É com grande satisfação que estamos dando início a melhorias, principalmente com a duplicação dessa rodovia nos trechos onde ocorre trânsito mais lento e há maior número de acidentes. Essa rodovia é fundamental para que a região norte se desenvolva e fique bem integrada ao restante do estado”, disse o governador.

Romeu Zema afirmou em entrevista coletiva que a ideia é que o contrato assinado com a Eco135 sirva de modelo para outras rodovias que precisam de melhores condições. Sobre os prazos da concessionária para as obras, o governador respondeu: “Estamos otimistas que a concessionária vá cumprir os prazos, até porque também existem penalidades no contrato caso isso não ocorra”.

Ainda sobre melhoria da infraestrutura, o governador assegurou que os recursos do Termo de Reparação da Vale serão aplicados em todas as regiões do estado. “A grande prioridade é colocar em boas condições de trânsito, aquelas estradas quase que intransitáveis. Se aqui na região tiver alguma estrada estadual em mal estado de conservação, em breve ela estará sendo recuperada”, concluiu Zema.

Dia histórico para Bocaiuva

O diretor-geral do Idene disse que é histórica a ida do governador à Bocaiuva para anunciar a duplicação. “Em 50 anos, a cidade não recebia um governador. Romeu Zema quebra esse jejum e ainda promete voltar para uma visita mais demorada com visita aos segmentos do setor produtivo. Estamos certos de que a melhoria da infraestrutura na área de abrangência do Idene se traduz em desenvolvimento”, celebra Nilson Borges.